quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Adeus Silas

Já existem muitos blogs denunciando o abuso da teologia da prosperidade, por isso, tento escrever sobre outras coisas, olhar para outros horizontes, mas hoje, quero escrever. Na verdade quero desabafar, compartilhar meu desânimo com o pastor Silas Malafaia.

Estou terminando de escrever meu livro, previamente intitulado Rascunhos da Alma: reflexões sobre espiritualidade cristã, e por isso fui dormir muito tarde. Eram 3h25 da manhã quando liguei a televisão. Programa do Silas com a presença do Dr.[1] Morris Cerullo. Eu já tinha visto o vídeo no youtube, mas não me causou o mesmo impacto que ver na televisão, altas horas da madrugada. Eu não acreditei.

Fiquei estarrecido com os argumentos desse homem que, talvez um dia, já foi um homem de Deus, mas agora tenho sérias dúvidas. Cerullo falou sobre uma unção financeira para sair da crise. Nunca ouvi falar de tal unção na Bíblia, mas deve estar lá, pois ele disse que ter ouvido isso de Deus. Disse mais: “que Ele derramaria uma unção financeira sobre seus filhos, que essa crise era para o mundo, não para os filhos de Deus”, e Cerullo complementa a “voz” divina: desde que, agora vem a contrapartida, que o fiel, o telespectador, desse voluntariamente uma pequena oferta de R$ 900,00. Caramba, o que é isso? Além de fazer uma exegese absurda do livro de Apocalipse, ele vem com uma explicação frouxa para justificar os novecentos reais.
Sem contar que ofertando, você leva inteiramente grátis, a Bíblia de Estudo Batalha Espiritual e Vitória Financeira e Deus até 01 de Jan cumprirá todas as promessas que te fez. Se você quiser ver as promessas de Deus se cumprir em sua vida, acho bom você ter R$ 900,00. E o Silas ali, concordando com tudo...

Só quero deixar registrado que o pastor Silas Malafaia, para mim, vai do reconhecimento para a repugnância. O que antes era para mim motivo de orgulho, agora é de desprezo. Não me identifico mais com sua pregação, sua postura de fé.

Fico pensando naquela pessoa abatida, cansada, que está atrás de uma palavra de conforto e ânimo. Minha oração é que ela passe longe da Band e da Record pela madrugada, pois, caso esteja sem dinheiro, ficará sem conforto.

__
[1] Doutor em que será? Divindade?

8 comentários:

Anônimo disse...

Olá Rodrigo

Confesso que a princípio não acreditei muito no que você escreveu sobre o que viu na TV de madrugada no programa do Pr. Silas Malafaia. Para tirar minhas duvidas fiz uma visita rápida no site do referido pastor. Confesso-te que ainda não acredito. Será que ele crê nisto?! Ao entrar no site há uma bem visível propaganda com o titulo “Creia na palavra de Deus” Campanha Vitória financeira, informando que com uma oferta “voluntaria” de 900 reais se ganha uma bíblia de Estudo e Vitória financeira. Realmente assassinaram algumas verdades bíblicas. O triste é ver isto saindo de um homem que assumira a vice-presidência das Ass. De Deus no Brasil em 2010

Dionei

Rodrigo de Aquino disse...

olá Dionei,

Com certeza ele acredita.
Não nego que esse homem já prestou um grande serviço ao povo de Deus, porém, algo o desviou...

Bem no início do meu txt, onde eu digo que muitos blogs já tratam desse assunto, eu linkei o blog Genizah, clique lá e veja a metamorfose do Silas. Ainda que eu ache que o cara lá pega um pouco pesado com as brincadeiras, todas elas tem fundamento.

Isso mesmo, eis nosso vice presidente...

forte abraço...

Mario disse...

Conversando com os jovens JC domingo pela manhã:

"A Igreja cresceu demais. O peso financeiro para manter a estrutura do império religioso é como um "dragão devorando a própria cauda".

Vejo isso como um desespero dos líderes em manter o sistema rodando e então vão buscar subsídios nas Escrituras para extorquir dinheiro do povo...por outro lado somos gananciosos tbem, não queremos ficar sob a maldição de Mamom e então "doamos" nosso dinheiro, nossa ética, nossa integridade, nosso compromisso com Deus em troca de uma pseudo-segurança-financeira...

Vitor Hugo da Silva - Joinville, SC disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vitor Hugo da Silva - Joinville, SC disse...

Rodrigo!

Sabe o que sinto quando vejo este tipo de coisa? Nojo! Por mais que muitos irmãos tentam tirar o lado bom destes programas, por exemplo: "O reino está sendo conhecido através do programa destas pessoas". Mas eu pergunto: Que reino? O reino de Deus?; ou: Que tipo de súditos este reino está angariando? Servos a serviço do seu Senhor? ou Servos a serviços de seus próprios interesses?

Tudo isto me enoja!

Clarice disse...

Olá Rodrigo. Também fiquei estarrecida com o Malafaia. Mas gosto dele. Estou orando por ele.
Abraço
Clarice

Hermes C. Fernandes disse...

Muito bom seu blog. Parabéns!
Já estou seguindo!

Aproveito para lhe convidar a conhecer o meu blog, e se desejar segui-lo, será uma honra.

Seus comentários também serão sempre bem-vindos.

www.hermesfernandes.blogspot.com

N'Ele!

Mario Sérgio disse...

Olha Rodrigo, é uma pena que homens como esses são ainda considerados em nosso meio por tantas pessoas. Eles vendem produtos, fazem negócios para todo lado e sem constrangimento usam o nome de Deus para se promeverem. Em suma acendem uma vela para Deus e outra para o Diabo. É o mais puro capitalismo no seio das igrejas, disfarçado de piedade.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...